A importância do desenvolvimento das Capacidades físicas

As capacidades Físicas podem ser definidas como todo o atributo “treinável” num organismo, ou seja, passiveis de adaptações. Em outras palavras, são todas as qualidades físicas motoras passíveis de treinamento. É preciso ver o condicionamento físico de maneira mais ampla, portanto, não adianta desenvolver a força e não ter resistência, ou ter flexibilidade e não ter força, ou ter resistência sem ter velocidade, etc. As nossas atividades diárias exigem a aplicação de todas as capacidades físicas, às vezes enfatizando uma, às vezes duas e em muitas vezes todas ao mesmo tempo.


As capacidades físicas são:
Velocidade: É a capacidade física que permite realizar movimentos no menor tempo possível ou reagir rapidamente a um sinal. Ela pode apresentar de três tipos: Velocidade de Reação, velocidade de Deslocamento e Velocidade dos Membros.
Força: É a capacidade física que permite que um músculo, ou grupo de músculos, produza tensão e vença uma resistência na ação de empurrar, tracionar ou elevar. Pode ser de três tipos: Força Dinâmica, Força Estática e Força Explosiva.
Potência: é a capacidade física que permite a realização de um esforço continuo, este decorrente de exercícios prolongados, durante um determinado tempo. Pode ser: potência aeróbia, potência anaeróbia e potência muscular anaeróbia.
O desenvolvimento da potência com kettlebells 
Flexibilidade: É a capacidade física que permite executar movimentos com grande amplitude. É a capacidade funcional das articulações a movimentarem-se dentro dos limites ideais de determinadas ações. É a amplitude de movimento e depende da mobilidade articular e da elasticidade muscular.
Agilidade: É a qualidade física que permite mudar a direção do corpo no menor tempo possível. Conhecida como velocidade de “troca de direção”. Para se ter boa agilidade, a flexibilidade é importante.
Coordenação: É a capacidade de assegurar a combinação de movimentos que se desenvolvem ao mesmo tempo ou em sucessão, como a ligação de movimentos de corrida e lançamento ou na sincronização de movimentos de braços e pernas. Quando bem treinado, permitem um melhor controle do corpo e facilitam o aprendizado de novas habilidades.
Equilíbrio: É a qualidade física conseguida por uma combinação de ações musculares com o propósito de assumir e sustentar o corpo sobre uma base, contra a lei da gravidade. Pode ser de três tipos: dinâmico, estático e recuperado.

 Do ponto de vista da qualidade de vida e da saúde é essencial o desenvolvimento das capacidades físicas e quanto mais equilibrado for o corpo, mais bem condicionado será o individuo.



Beninho Personal - CREF 218-P/SE
Graduando em Educação Física
Certificado pelo Arte da Força em: Kettlebell Training, Treinamento Científico de CORE e Avaliação Funcional do Movimento (FMS)

10 comentários:

  1. vcs tem todas essas capacidades fisicas,mas nao tem resistencia

    ResponderExcluir
  2. vs tem todas as capacidades fisicas mas nao tem resistencia entao seu site nao e um site completo e nao sera um site modelo .

    ResponderExcluir
  3. acabei de postar o ultimo comentario e ou apenas uma criança de 10 anos te anformando que seu site nao é um saite completo

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde,
    Em relação ao artigo em discursão não estou me referindo aos meus alunos, mais sim as necessidades que o corpo necessita. Já em relação aos exercícios, acredito que, tudo vai ser determinado a partir do momento em que você definir qual o seu objetivo e a sua necessidade, não importa a ferramenta que vai ser usada.

    Espero ter contribuído de alguma forma.

    Abraço
    Beninho

    ResponderExcluir
  5. Sera que vc tem ISSO BOM SABER

    ResponderExcluir
  6. olá,sou estudante de ed. física,gostaria de uma gentileza sua se for possível,preciso que vc me indique um livro atual,que fale sobre desenvolvimento de força e velocidade,com publicação de no máximo 5 anos,grato desde já.

    ResponderExcluir
  7. Olá Wilson, em ralação ao treinamento de força te indico o livro da Dr. Marília Coutinho: Powerlifting: De Volta ao Básico, bem atual. Espero ter ajudado.
    Abraço

    ResponderExcluir
  8. olá,muito obrigado professor,valeu pela dica,desejo pra você muito sucesso sempre.

    ResponderExcluir
  9. muito bom , vou usar pa um tabalho

    ResponderExcluir
  10. gente, ele ta usando a nomenclatura POTÊNCIA invés de RESISTÊNCIA. É só prestar atenção na descrição

    ResponderExcluir

Olá! muito obrigado por participar.
Beninho Personal